segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Happy Birthday Red Hot Chili Peppers!


Hoje, 13 de fevereiro de 2016, o Red Hot Chili Peppers completa 33 anos de existência!

O primeiro concerto da história da banda foi no dia 13 de fevereiro de 1983 em uma boate chamada Rhythm Lounge. A banda ainda se chamava Tony Flow And The Miraculously Majestic Masters Of Mayhem e tocaram uma música no repertório. A música era "Out In L.A. O dono do clube ficou tão impressionado com a performance da banda que chamou o grupo para tocar na próxima semana. Em uma entrevista de 2003, Flea e Anthony confirmou que o primeiro show deles foi no dia 13 de Fevereiro de 1983.

Abaixo iremos ver uma breve história de como a banda começou até os dias de hoje, na nova fase "I'm With You".


Há exatamente 30 anos , no dia 13 de fevereiro de 1983, o Red Hot Chili Peppers fez sua primeira apresentação ao vivo, ainda com o nome de Tony Flow And The Miraculously Majestic Masters Of Mayhem. 


A estreia foi na Rhythm Lounge em Hollywood quando eles foram convidados pelo amigo Gary Allen para abrir para sua banda, a "Neighbor's Voices". 
Para esta ocasião, eles "escreveram" apenas uma música em que Anthony Kiedis fazia um rap em cima de um riff criado por Flea, Jack Irons e Hillel Slovak. Mas com apenas uma única música, "Out In L.A.", a banda chamou muita atenção do público e foram convidados para se apresentar semanas depois com duas músicas. Então, os garotos começaram a compor mais músicas e decidiram mudar o nome para Red Hot Chili Peppers. 
Aos 26 anos, o guitarrista Hillel é encontrado morto por overdose de heroína. Kiedis então vai para um pequeno vilarejo no México, ele queria um lugar onde ninguém o conhecesse, para tentar se livrar das drogas. Irons sai da banda sumindo por um tempo no mundo. Flea mergulha em projetos paralelos. Parecia que era o fim do Red Hot Chili Peppers. 

Anthony voltou para casa e Flea tornou-se pai de uma pequena menina chamada Clara, ocasião em que decidem reconstruir a banda em memória de seu grande amigo Hillel. Durante este tempo houve várias mudanças de guitarristas e bateristas nos Peppers, até que finalmente acham um novo guitarrista, John Frusciante de apenas 18 anos, que era um grande fã dos Peppers e de Hendrix. 

Quando aconteceu o primeiro show com a banda os fãs não acreditaram que ele nunca tivesse tocado com os Peppers antes. "John era absolutamente um clone de Hillel. Ele não toca somente igual ao Hillel, ele se move como o Hillel…". Coincidência ou não, John tinha realmente todo o estilo de Hillel pois era o seu ídolo. Depois de procurar muito, os Peppers também encontram um novo baterista, Chad Smith que veio de Detroit. 

Depois de Mother’s Milk, primeiro de Frusciante na banda , veio o álbum Blood Sugar Sex Magik e a primeira saída de John. Em conseqüência da turnê ter sido enorme e cansativa, John Frusciante não suporta toda essa pressão e constantes viagens e resolve deixar a banda, ficando um outro problema nas mãos dos Peppers.

Dave Navarro é anunciado como novo guitarrista do Red Hot Chili Peppers, e participa do álbum One Hot Minute. 
O primeiro show de Navarro com a banda foi no Woodstock '94, onde eles estavam vestidos de lâmpadas. A banda fez uma breve turnê que incluiu um concerto que abriu um show do Rolling Stones. O álbum One Hot Minute contou com grandes sucessos como "My Friends", "Warped" e "Aeroplane". Após a turnê mundial, o Red Hot Chili Peppers retornaram para casa e planejaram o novo álbum sem data para o lançamento. Enquanto isso, John Frusciante se afundava nas drogas, chegando a beirar a morte. E no dia 4 de abril de 1998, Dave Navarro anuncia a sua saída do Red Hot Chili Peppers para dar uma maior atenção ao seu projeto "Spread". Dave diz que mesmo não estando com os Peppers eles serão amigos eternamente.




Após a partida de Navarro no início de 1998, o Red Hot Chili Peppers estavam à beira de acabar. Flea disse a Kiedis, que a única maneira que ele poderia imaginar continuando a banda era se John de voltasse a banda. Com Frusciante livre de seus vícios e doenças, Kiedis e Flea pensaram que era o momento adequado para convidá-lo a voltar. Em abril de 1998, quando Flea visitou em sua casa e pediu-lhe para se juntar à banda, Frusciante começou a soluçar e disse: "Nada me faria mais feliz no mundo".

Californication foi lançado como álbum de estúdio da banda. O álbum finalmente vendeu mais de 16 milhões de cópias e tornou-se a gravação de maior sucesso da banda. 

Em julho de 2002, a banda lança o seu oitavo disco da carreira, intitulado By the Way. Todos os integrantes se livraram de vez das drogas. E assim começava uma série de sucessos. 

Em 2006 foi lançado o álbum duplo Stadium Arcadium, nono álbum de estúdio da banda, Anthony Kiedis disse em entrevista à Rolling Stone publicada no dia 20 de maio de 2008, que o Red Hot Chili Peppers darão uma pausa. John Frusciante lançou mais um novo álbum na carreira solo, aproveitando o período de férias do Red Hot Chili Peppers, The Empyrean.
Em 16 de dezembro de 2009, John escreveu em seu site um breve esclarecimento sobre os boatos que corriam na época. De acordo com a postagem, ele teria deixado a banda há um ano. 
"Quando eu saí da banda, há mais ou menos um ano, estávamos num hiato de tempo indefinido. Não houve drama ou raiva, e os outros caras foram muito compreensivos. Eles apóiam eu fazer qualquer coisa que me faça feliz e eu também os apóio."


A banda, junto com Josh Klinghoffer na guitarra, fez seu retorno ao vivo em 29 de janeiro de 2010, em homenagem a Neil Young com um cover de "A Man Needs a Maid" no MusiCares. Em 08 de fevereiro de 2010, Klinghoffer foi oficialmente confirmado como substituto oficial de Frusciante.

Em setembro de 2010, o Red Hot Chili Peppers anunciou que suas músicas não seriam apresentadas no programa de televisão popular Glee, com Anthony afirmando que não queria que suas músicas queridas fossem aparecer no programa. Os Chili Peppers são uma das muitas bandas de rock que recusou uma oferta para ter suas músicas no Glee. 

Em 5 de junho de 2011, site oficial da banda anunciou que o novo álbum seria lançado em 30 de agosto de 2011 (embora poucos dias antes em outros países) e intitulado I'm with You. Rick Rubin falou sobre o novo álbum em 20 de junho de 2011 e disse que a banda tinha material suficiente para fazer outro álbum duplo, mas sentiu que não deveriam fazer isso novamente, apesar de ter sido uma decisão difícil não liberar todo o material que trabalhou. O plano original era de doze canções, mas, então eles acabaram colocando quatorze músicas do álbum. Sobre o som e o estilo de Josh, Rubin disse que, estilisticamente, ele está muito próximo de John Frusciante embora que seu som soa como um Red Hot Chili Peppers que você nunca ouviu antes. Flea disse para Rolling Stone que os álbuns Exile on Main St. e Tattoo You foram as principais influências sobre o novo álbum. Kiedis disse também que Klinghoffer desempenhou um grande papel, e co-escreveu o álbum com ele, Flea, e Smith.

Kiedis, Flea, e Klinghoffer, juntamente com os ex-membros da banda, John Frusciante e Jack Irons, aparecem no documentário de 2011, Bob and the Monster, que detalha a vida e a carreira de músico Bob Forrest. Klinghoffer compôs a música para o filme. 

Em 23 de junho de 2011 em uma entrevista, Flea falou do retorno da banda e como ele quase deixou a banda durante a sua pausa. Flea disse que "Eu senti que queria ter dois anos distante para realmente olhar e ver se a banda era algo que ainda deveríamos estar fazendo." Ele disse que as coisas tinham chegado a um ponto disfuncional e sem graça, embora achasse que estavam fazendo grandes discos, shows fortes e poderosos, como uma grande banda. Durante o tempo em hiato, Flea disse o que o fez querer continuar a banda: "Eu percebi que Anthony é como meu irmão, eu o amo muito, e nós começamos essa banda quando éramos crianças. Eu queria manter esse curso, eu nunca quero deixar isso acabar. Eu disse para Anthony: 'Juntos vamos fazer isso, vamos fazer este álbum, eu te amo, e vamos arrasar". 

Anthony disse que o crédito vai para Josh para chegar ao título do álbum. Josh disse que o título veio do nada mas que parecia perfeito, não só para o novo álbum mas também para o momento de suas carreiras. 

No dia 29 de agosto, um dia antes do previsto inicialmente, I'm with You foi lançado. O álbum estreou em 2º lugar no Top 200 da Billboard, vendendo 228.926 cópias na primeira semana nos EUA. Além disso ficou em primeiro lugar em 17 países e segundo em 5 países. O primeiro single do álbum, "The Adventures of Raindance Maggie", foi lançado nas rádios em 18 de julho de 2011, mesmo ter sido vazado 3 três dias antes do esperado. Em 10 de agosto de 2011, a canção tornou-se recorde da banda sendo o décimo segundo single do grupo a ficar em primeiro na parada da Billboard Alternative Songs. Para o clipe da canção, foram gravadas duas versões, na qual foi escolhida a segunda, em que a banda subiu ao telhado de um edifício em Venice Beach, com o diretor Marc Klasfeld. O clipe foi lançado no dia 17 de agosto de 2011. "Monarchy of Roses" foi lançado como segundo single e o clipe também dirigido por Marc Klasfeld e foi lançado em 14 de novembro de 2011. O single se tornou um hit menor, não conseguiu chegar ao topo das paradas como single anterior. "Look Around" foi lançado no início de 2012, enquanto no Brasil, devido a canção "Did I Let You Know" ter sido pedida para rádio, a canção foi foi lançada como single exclusivamente no país, com um clipe feito pelos fãs. 

Em 30 de agosto, a banda apareceu em cinemas de todo o mundo ao vivo via-sattelite de Colônia, Alemanha, para vários cinemas de todo o mundo, executando o álbum inteiro (menos "Even You Brutus?"), juntamente com "Me and My Friends" e "Give It Away". A turnê para divulgação do álbum começou oficialmente em agosto de 2011 com shows na Ásia e alguns na Europa. No dia dia 24 de agosto, o Red Hot Chili Peppers realizou um show no Club Nokia, em Los Angeles. O show foi para arrecadar fundos para o Silverlake Conservatory Of Music. Com ingressos esgotados, o show durou cerca de 2 horas, rendendo 1 milhão de dolares para fundos do Conservatório que ajuda crianças a ingressar na música através de bolsas de estudo. No dia 11 de setembro a banda fez sua turnê na América Latina onde tocou na Colômbia, Costa Rica, Peru, Chile, Argentina e no Brasil, onde fizeram dois shows, um na Arena Anhembi em São Paulo no dia 21 de setembro de 2011 para um público de 30 mil pessoas e no Rock in Rio em 24 de setembro de 2011. Foi a primeira passagem da banda no país desde 2002, durante a turnê By the Way. A banda é esperada para shows nos Estados Unidos e na Austrália em 2012. A turnê deve se estender até 2013. 

Em 19 de setembro a banda foi nomeada para duas categorias do MTV Europe Music Awards: Melhor Grupo de Rock e Melhor Artista ao Vivo e nomeado Melhor Grupo de 2012 na People's Choice Awards. I'm with You foi nomeado ao Grammy Award de 2012 na categoria Melhor Álbum de Rock. 

Depois de ser nomeado um finalista em setembro de 2011 e não para fazer da corte final dos dois anos anteriores, em 7 de dezembro de 2011, o Red Hot Chili Peppers foram anunciados como parte dos induzidos ao Museu do Rock and Roll. Anthony Kiedis disse que "A parte mais emocionante para mim foi pensar no Hillel Slovak. Foi aí que me pegou." 

Numa entrevista em março de 2012, Smith revelou que a inesperada pausa na turnê do Red Hot Chili Peppers para deixar Anthony Kiedis recuperar-se da cirurgia no pé, pode ter servido para adiantar o próximo álbum do grupo. "Na verdade, no nosso mundo Chili Peppers nós nunca tivemos uma pausa tão grande durante a turnê. Antes, se nós tivéssemos um mês de pausa, nós nunca nos reuniríamos e pensaríamos em escrever novas ideias de músicas; nós sempre escrevemos canções quando era hora de um ciclo novo, para um novo álbum. Todos simplesmente queriam tocar. E foi ótimo." Ele disse também que "Brendan's Death Song" será o próximo single. 

Em 29 de março a banda lançou o 2011 Live EP, com canções ao vivo lançado através de seu website como download MP3 gratuito. Chad Smith foi quem selecionou as cinco canções. 

A banda foi introduzida ao Hall da Fama do Rock em 14 de abril de 2012. Durante a cerimônia a banda tocou quatro canções: "By the Way", "The Adventures of Rain Dance Maggie" e "Give it Away", incluindo Irons e Martinez na bateria. No final, a banda tocou "Higher Ground" com Slash, Billie Joe Armstrong, Ron Wood e George Clinton. O comediante Chris Rock fez o discurso de indução. 

Em 15 de abril de 2012, data após a sua sala de indução no Hall, a banda realizou um concerto gratuito no centro de Cleveland, Ohio, em apoio da reeleição de Barack Obama. O requisito para entrar no concerto foi concordar em oferecer-se a ser voluntário para a candidatura de Obama. O evento rapidamente ficou no seu limite de capacidade depois de ser anunciado.

Chad Smith revelou que a turnê do álbum I'm With You terminaria em abril de 2013, e, após a turnê, a banda faria uma pequena pausa antes de trabalhar em seu próximo álbum. Smith disse: "Estamos todos re-energizados e Josh Klinghoffer está tocando melhor a cada dia e estamos mais conectados como uma banda agora, obviamente, através do tempo que estamos juntos". Em março de 2013, Chad Smith respondeu a um fã em sua página no Twitter perguntando sobre o próximo álbum em que Smith respondeu: "vamos começar a escrever mais músicas em setembro". Porém, devido a compromissos de Flea com o Atoms for Peace os planos para começar a escrever um novo álbum foram adiados para o início de 2014. 

Entre maio e setembro de 2013 a banda tocou em alguns festivais pelos Estados Unidos e fez a sua primeira apresentação da carreira no Alasca. Em novembro de 2013, retornaram para o Brasil sendo a atração principal das etapas de Belo Horizonte e Rio de Janeiro além de uma apresentação solo na Arena Anhembi em São Paulo e uma no Jockey Club em Assunção, no Paraguai, sendo a primeira passagem da banda por terras paraguaias. 

Red Hot Chili Peppers na Arena Anhembi em São Paulo, SP (Nov/2013)

Em 10 de janeiro de 2014 foi anunciado que a banda iria se apresentar, ao lado de Bruno Mars, no intervalo do Super Bowl XLVIII em 2 de fevereiro de 2014. A apresentação quebrou os recordes de audiência entre todos os shows de intervalo da história do Super Bowl, sendo assistida por 115,3 milhões de telespectadores. A apresentação da banda gerou polêmica pelo uso de bases pré-gravadas, e levou Flea a fazer uma justificação público pelo site da banda. 

Após a apresentação no Super Bowl, a banda começou a compor material para o novo disco. Em junho de 2014, Chad Smith disse que a banda já havia composto 20 músicas e se preparava para compor mais algumas.  

O vocalista Anthony Kiedis revelou em uma entrevista no fim de Novembro de 2014 que a banda entraria em estúdio em Dezembro do mesmo ano, para iniciar as gravações do novo álbum com nome ainda indefinido.


Em uma entrevista para a rádio 955KLOS em janeiro de 2016, o vocalista Anthony kiedis falou sobre diversos assuntos, entre eles o novo álbum da banda. De acordo com Anthony: "Estamos na reta final e eu inclusive cantei ontem. Teremos uma semana de folga e estou apaixonado pelo álbum: Chegamos a escrever 24 músicas antes de gravar o álbum e eu achei que seria o suficiente. Mas Danger Mouse pediu mais. Então, escrevemos mais músicas novas".



No dia 17 de junho de 2016, o Red Hot Chili Peppers lançou o álbum "The Getaway" pela Warner Bros. Records. Foi o primeiro álbum da banda produzido por Danger Mouse, fazendo deste seu primeiro álbum desde Blood Sugar Sex Magik de 1991 a não ser produzido por Rick Rubin. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário